Tudo Bahia
Portal de Notícias

Asteroide ‘2021 UA1’ quase atinge a Terra no início da semana; entenda

Desde 2020, este foi o terceiro asteroide a se aproximar da Terra. No ano passado, os asteroides 2020 QG e 2020 VT4 se aproximaram do planeta.

Era segunda-feira (25) quando os cientistas se deram conta que um asteroide passou bem próximo de nós e, por pouco, não entra em nossa atmosfera. O asteroide, identificado como ‘2021 UA1’, passou a cerca de 3.047 km acima da superfície da Terra.

De acordo com informações do Catalina Sky Survey, o pequeno asteroide tem cerca de dois metros de diâmetro e, caso entrasse em nossa atmosfera, não representaria perigo para o planeta. O asteroide só foi descoberto cerca de quatro horas após sua aproximação com a Terra e foi inicialmente identificado pelo Minor Planet Center.

Desde o início de 2020, este foi o terceiro asteroide a se aproximar da Terra. No ano passado, os asteroides 2020 QG e 2020 VT4 se aproximaram de nosso planeta a uma distância de 2.946 km e 374 km da superfície, respectivamente. De acordo com o que foi divulgado, o asteroide em sua aproximação do planeta percorria a uma velocidade de 57 mil km/h (15,84 km/s).

A gravidade do planeta fez com que ele fosse desviado de forma significativa. Caso houvesse impacto, seria capaz de gerar uma energia equivalente a 150 toneladas de dinamite. A última vez que um asteroide entrou na atmosfera terrestre e provocou um meteoro foi em 2013, na Rússia, em Tcheliabinsk.

O fato ocorreu em 15 de fevereiro daquele ano e provocou uma enorme bola de fogo que clareou os céus da Rússia. Os especialistas estimam que, ao entrar na atmosfera terrestre, o meteorito possuía 10.000 toneladas de massa e 17 m de diâmetro (15 a mais que o 2021 UA1), liberando o equivalente a 500 quilotons de TNT de energia durante o evento.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais