Tudo Bahia
Portal de Notícias

Concurso PRF: déficit pode chegar a 4,1 mil servidores

Déficit na Polícia Rodoviária Federal aumentará significativamente até 2021. Concurso PRF já foi anunciado.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou os dados sobre o seu quadro de funcionários ativos e inativos. Agora, ficou mais evidente a necessidade de um concurso PRF, pois o déficit pode chegar 4,1 mil servidores. É válido ressaltar que um novo certame da corporação já foi anunciado.

No momento, de acordo com a PRF, existem 2.597 cargos que estão vagos e ainda há a previsão de que mais 886 policiais irão se aposentar ainda em 2020 e outros 227 pararão de trabalhar em 2021. Sendo assim, há o número de 3.710 cargos que precisam ser preenchidos.

A parte administrativa tem um cenário um pouco melhor, mas também preocupa. No momento são 153 oportunidades não preenchidas. Espera-se que o ano encerrará com 355 vagas na área.

A soma da parte administrativa com o cargo de Policial Rodoviário Federal, aponta o balanço total de cerca de 4,1 mil vagas até o ano de 2021. Sabendo disso, o governo vem procurando formas de preencher os quadros da corporação

Concurso PRF foi anunciado

O concurso PRF foi anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro e depois confirmado pela corporação. Ao todo, o certame terá 2.772 vagas, divididas para os cargos de Policial Rodoviário e Agente Administrativo. Vejas as remunerações e nível de escolaridade exigidos:

  • Policial Rodoviário: R$ 10.357,88 (nível superior);
  • Agente Administrativo: R$ 4.022,77 (nível médio).

O concurso PRF terá as seguintes etapas:

  • Prova objetiva;
  • Prova discursiva;
  • Teste de Aptidão Física – TAF;
  • Avaliação de Saúde;
  • Avaliação psicológica;
  • Prova de títulos;
  • Investigação social;
  • Curso de Formação Profissional.

Por causa da pandemia provocada pelo novo coronavírus, as provas serão aplicadas em 2021. No entanto, já foi prometido que o edital sairá ainda no ano de 2020. O certame ainda não tem uma banca organizadora definida, mas já trabalha com nomes.

Ao mesmo tempo, o governo garantiu que os novos concursados da PRF continuarão tendo estabilidade mesmo com a Reforma Administrativa.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais