Tudo Bahia
Portal de Notícias

Estrela de Belém: conjunção rara entre Júpiter e Saturno pode ser vista hoje

Nesta segunda-feira, dia 21 de dezembro de 2020, além do solstício de verão do hemisfério sul – dia mais longo do ano que marca o início da estação – o céu terá uma conjunção rara entre os planetas gigantes Júpiter e Saturno. Conhecida como “Estrela de Belém”, o evento astronômico poderá ser visto de qualquer lugar do planeta Terra se as condições climáticas contribuirem.

Chamado pelos astrônomos de “Grande Conjunção” e popularmente conhecido por “Estrela de Belém” – já que acontece próximo ao Natal -, esse é o alinhamento mais próximo dos dois astros desde o ano de 1623.

Mas, a aproximação não é real e sim um truque de perspectiva visto da Terra, os planetas ficam a 724 milhões de quilômetros um do outro, e a cada 20 anos entram em conjunção. Será a primeira vez que a Grande Conjunção acontecerá na era dos telescópios.

Estrela de Belém só vai acontecer novamente ano de 2400

Dependendo das condições climáticas, a Estrela de Belém pode ser vista a olho nu após o pôr do sol. No céu, um brilhante Júpiter estará à direita de Saturno. Quem quiser ver de uma forma mais aproximada pode utilizar binóculos ou telescópios.

A próxima vez que o alinhamento estará visível a olho nu será no ano de 2080 – mas não tão próximo quanto hoje -, e a Grande Conjunção irá acontecer de novo somente depois do ano de 2400. Portanto, a oportunidade é única para fotografar e capturar o evento.

Os astros ficarão visíveis no céu por pelo menos duas horas após o pôr do sol, eles estão localizados a sudoeste do Brasil. Os dois planetas viam se aproximando há dias e o ápice acontece hoje, no dia 21 de dezembro, enquanto o hemisfério sul passa pelo solstício de verão e o hemisfério norte pelo solstício de inverno.

Para comemorar o dia da Grande Conjunção, o Google criou um Doodle para a data em parceria com a Agência Espacial Americana, a NASA. No desenho, Júpiter e Saturno se cumprimentam enquanto o Planeta Terra assiste a conjunção e comemora.

Sol ingressou em Capricórnio

Assim como para a astronomia, a astrologia está repleta de fenômenos importantes nesta segunda-feira. O dia 21 de dezembro marca o ingresso do sol em Capricórnio, onde fica até o dia 20 de janeiro de 2021. Saturno que transitava pelo signo de Capricórnio agora entra em Aquário, iniciando um novo ciclo de 3 anos que acabará em 7 de março de 2023. A Grande Conjunção também foi muito esperada pelos astrológos.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais