Tudo Bahia
Portal de Notícias

WhatsApp com reação de emoji nos status? Recurso já está sendo testado

A novidade foi descoberta pelo site especializado WABetaInfo no fim do mês de abril. Saiba mais.

O WhatsApp está testando um recurso que permite os usuários reagirem com emojis em publicações feitas nos status de amigos. A novidade foi descoberta pelo site especializado WABetaInfo no fim do mês de abril.

As reações com emojis nos status funcionam de forma similar ao recurso existente nos stories do Instagram. A nova ferramenta do mensageiro foi encontrada na versão beta do aplicativo para Android, iOS e computador.

A novidade, chamada de “Reações Rápidas”, exibe oito emojis no rodapé da página para que o usuário escolha e demonstre “seu sentimento” ao Status do seu contato.

As carinhas são as mesmas utilizadas nos stories do Instagram, como os olhos com corações, risada, espanto, choro, palmas, confete de festa, símbolo do “100”. No entanto, há uma exceção. O símbolo de fogo foi substituído no WhatsApp pelo ícone de mãos juntas em oração.

Além deste recurso, o WhatsApp também está testando a possibilidade de visualizar os status diretamente na lista de conversas da página inicial. A ferramenta, que também é semelhante ao formato que já existe no Instagram, seria sinalizada por um anel indicativo na cor verde localizado ao redor da foto de perfil do amigo, mostrando que aquele determinado contato possui Status ativos para assistir.

Segundo o WABetaInfo, o recurso funcionaria da seguinte forma: ao tocar na foto de perfil do amigo, o Status seria aberto imediatamente na tela. Para acessar a conversa, o usuário tocaria na célula que contém o nome do contato.

Essa possibilidade deixaria as histórias mais visíveis para todos os usuários, que poderiam assistir aos Status dos amigos enquanto estivessem procurando uma pessoa na lista para conversar.

Até o momento, nenhuma das novidades foram confirmadas oficialmente pelo WhatsApp e, por isso, não é possível saber se elas estarão, de fato, disponíveis para todos os usuários do mensageiro.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais