Tudo Bahia
Portal de Notícias

Saiba como é possível regularizar a situação do seu CPF na Receita Federal

Um dos motivos de apresentar irregularidade no CPF pode ser porque o contribuinte deixou de entregar alguma Declaração do Imposto Renda da Pessoa Física.

O Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) é um documento que pode ser feito pela internet acessando o site da Receita Federal. Ele serve para identificar o contribuinte. Os 11 números que identificam a pessoa cadastrada só poderão ser modificados com uma ordem judicial.

A consulta do documento para saber se tem alguma irregularidade funciona de uma maneira bem prática. Basta entrar no site da Receita Federal. Lá, o contribuinte vai digitar o número do CPF e a data de nascimento. Então, saberá se o documento tem alguma irregularidade.

Como regularizar o CPF

Um dos motivos de apresentar irregularidade no CPF pode ser porque o contribuinte deixou de entregar alguma Declaração do Imposto Renda da Pessoa Física (DIRPF), que estava obrigado nos últimos cinco anos.

No caso do CPF ser cancelado, o motivo pode ser porque o contribuinte teve alguma multiplicidade de inscrições do documento ou, até mesmo, por uma decisão administrativa da Receita Federal ou uma decisão judicial.

Já com relação a suspensão do documento, pode acontecer quando o cadastro do contribuinte apresentar alguma informação incorreta ou estiver faltando completar alguma informação dos dados enviados para a Receita Federal.

A suspensão do CPF causa ao cidadão muitos problemas, entre eles: bloqueio das contas bancárias (não sendo permitido também abrir conta), restrição de empréstimo, impedimento em compra de imóvel e, também, problema para receber as notas fiscais.

Regularização é feita pela internet

A regularização do documento pode ser feita pela internet, quando o CPF apresentou os seguintes motivos: cancelado, suspenso, inválido, bloqueado, caso de irregularidade ou inativo. Essa regularização pode ser feita no site da Receita Federal, na parte de como regularizar.

Na página, o contribuinte vai informar nome completo, número do CPF, número do celular, data de nascimento e e-mail utilizado. Depois, é só gerar uma guia de regularização. Essa guia precisa ser paga via boleto e conta com Garantia de Regularização (GR) de CPF.

Um contabilista licenciado vai verificar se a regularização do documento. Após 48 horas do pagamento da guia, acontece o retorno da regularização ,que é enviado pelo e-mail do contribuinte.

No caso do contribuinte precisar fazer a regularização do CPF com mais rapidez, depois do pagamento do boleto, é possível enviar por e-mail o comprovante pago em anexo. O endereço do e-mail que o contribuinte deve enviar a guia paga é adm@irpf-portal.com.br

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais