Tudo Bahia
Portal de Notícias

IBGE vai ressarcir candidatos inscritos em concurso

O concurso IBGE, que seria realizado em 2020, foi adiado para 2021. Taxa de inscrição será devolvida aos candidatos.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) começará a realizar a restituição, referente à taxa de inscrição, aos candidatos que se inscreveram no processo seletivo para o Censo 2020. O valor será liberado a partir do dia 19 de maio, por meio do aplicativo Carteira Digital bB, do Banco do Brasil.

O processo seletivo seria realizado em 2020, mas foi adiado para o próximo ano. Essa medida foi necessária em razão das orientações do Ministério da Saúde de isolamento social para conter o avanço da COVID-19.

Por isso, o próximo Censo Demográfico está previsto para começar a ser realizando em 31 de julho de 2021. A fase de coleta de informações, que é a forma presencial nos domicílios, deve acontecer entre 01 de agosto a 31 de outubro de 2021.

Em razão do adiamento no calendário, os candidatos que efetuaram pagamento da taxa de inscrição terão o valor integral ressarcido.

Como solicitar a devolução da taxa de inscrição?

O valor total pago como taxa de inscrição para a seleção foi de R$ 2.823.775,95. Com isso,  somam 100.735 inscrições realizadas para o processo seletivo do IBGE.

Os candidatos vão receber o valor integral pago como taxa de inscrição: R$ 35,80 (para Agente Censitário) e/ou R$ 23,61 (Recenseador).

A boa notícia é que o valor será ressarcido de forma simples e prática, via aplicativo, sem custos extras ao candidato. Assim sendo, o solicitante poderá realizar a transferência para outro banco (por TED) ou para outra conta sem cobrança de taxa ou tarifa. Além disso, pode sacar os valores nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil.

Por isso, o candidato não precisará solicitar o pagamento.

IBGE ofertava 208.695 vagas temporárias

Foram divulgados os editais de processo seletivo nº 2/2020 e 3/2020, com oferta de 208.695 vagas para compor a demanda para realização do Censo Demográfico 2020. As vagas seriam distribuídas da seguinte forma:

  • 5.462 vagas para a função de Agente Censitário Municipal (ACM);
  • 22.676 vagas para Agente Censitário Supervisor (ACS); e
  • 180.557 vagas para Recenseador.

Confira mais informações sobre as seleções, como os vencimentos e lotação dos cargos.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais