Tudo Bahia
Portal de Notícias

Saque do PIS/Pasep: quem perdeu o prazo ainda poderá fazer a retirada

de saque do O cronograma para saque do PIS/Pasep se encerrou no último dia 30 de junho de 2021. O calendário era para quem recebeu os valores referentes ao ano de 2019. No entanto, quem perdeu o prazo ainda poderá fazer a retirada do dinheiro em espécie.

Isso porque, a a Resolução 838, do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), define que o abono poderá ser sacado em até cinco anos. Dessa forma, os saques poderão ser feitos até o ano de 2025. Mas, para isso, os trabalhadores precisarão esperar o próximo cronograma de saque do PIS/Pasep, que deve ser lançado em 2022.

Saque do PIS/Pasep poderá ter outro valor em 2022

Os pagamentos relativos ao tempo de trabalho desempenhado em 2020 deveriam começar neste mês de julho. Contudo, por decisão do Codefat, as transferências serão adiadas para o próximo ano. Assim, é possível que os depósitos sejam dobrados, somando valores de 2020 e 2021.

Assim, a partir do calendário de saque do PIS/Pasep dos novos depósitos, quem recebeu os valores de 2019 poderá fazer a retirada. Todos esses fatores ainda serão confirmados pela equipe do governo.

Vale ressaltar ainda que é possível que o abono tenha uma alteração no valor, uma vez que ele segue o salário mínimo vigente e o piso deve passar por um reajuste. Ao que tudo indica, a atualização deve ser de R$ 47,00, chegando ao valor de R$ 1.147,00.

Como funciona o pagamento do PIS/Pasep

O valor do abono salarial varia de acordo com o tempo trabalhado no ano referência. A quantia cheia é equivalendo a um salário mínimo vigente (R$ 1.100,00 em 2021) e é paga para quem trabalhou com carteira assinada por 12 meses no ano anterior.

Sendo assim, o valor total é dividido por 12 e cada mês de serviço conta 1/12 de um salário mínimo. Assim, cada mês equivale a R$ 91,67 e os demais são:

  • Dois meses: R$ 183,34;
  • Três meses: R$ 275,01;
  • Quatro meses: R$ 366,68;
  • Cinco meses: R$ 458,35;
  • Seis meses: R$ 550,02;
  • Sete meses: R$ 641,69;
  • Oito meses: R$ 733,36;
  • Nove meses: R$ 825,03;
  • 10 meses: R$ 916,70;
  • 11 meses: R$ 1.008,37;
  • 12 meses: R$ 1.100 (valor máximo do abono salarial PIS/Pasep).
LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais