Tudo Bahia
Portal de Notícias

Fases do Plano SP serão excluídas e comércio volta a ter flexibilização de horários

Na última quarta-feira (28/07), o Governo do Estado de São Paulo anunciou que promoverá flexibilizações que estendem o horário de funcionamento do comércio no estado. Também existe a meta de excluir fases do Plano SP. Outra medida será em relação ao aumento de ocupação nestes respectivos estabelecimentos comerciais.

O estado tem tido um número significativo de imunizações e, igualmente, a taxa de ocupação de leitos de UTIs caiu bastante. Com isso o comércio e a vida dos paulistas vai voltando aos poucos ao normal com as flexibilizações cautelosas do governo.

Novos horários para o comércio em São Paulo

As novas medidas com ampliação dos horários de funcionamento e quantidade de pessoas nos estabelecimentos começam a vigorar no próximo domingo, dia 01 de agosto. Os comércios funcionarão de 6h até meia noite. A taxa de ocupação que era de 60% agora será de 80% conforme foi divulgado pelo Palácio dos Bandeirantes.

O Plano SP de segurança, que é uma forma de combate à COVID-19 utilizando-se de recursos científicos e medidas aprovadas, está passando por uma transição que engloba outras medidas mais brandas.

De acordo com informações de Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico, entre os dias 01 a 16 de agosto, o Plano SP passa para uma segunda etapa, com cerca de 75% da população do estado vacinada com a primeira dose de imunizantes.

Nova etapa do Plano SP

Existe a expectativa para que, a partir do dia 17 de agosto em nova etapa, o governo possa flexibilizar ainda mais o funcionamento do comércio no estado. Todavia, é importante afirmar que os protocolos de segurança devem ser mantidos, como uso obrigatório de máscara, disponibilização de álcool nos estabelecimentos, protocolos de higiene e limpeza, distanciamento dentro do estabelecimento comercial.

Dentro deste pacote de flexibilizações o governo do estado ainda informou que o toque de recolher que compreendia meia-noite às 5h da manhã terá fim. Assim, as pessoas poderão voltar a circular livremente nestes horários. Essas medidas são frutos da antecipação da vacinação adulta com a primeira dose das vacinas imunizantes. O governo antecipou quatro dias e prevê o término do processo de vacinação para o próximo dia 16 de agosto.

O governador, João Dória (PSDB), afirmou que as medidas que reabrem o comércio e tornam a proporcionar aos paulistas uma vida normal, deve-se às medidas que anteriormente foram tomadas pelo governo com o Plano SP. O governador, em coletiva, ainda afirmou que os números de casos de novas infecções, ocupações de leitos de UTI e óbitos caíram bastante e, que tudo isso, é fruto da obediência aos protocolos e obediência à medicina.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais