Tudo Bahia
Portal de Notícias

Contas de luz: Aneel autoriza reajuste de 16% em três estados; confira quais

Ao todo, são quatro empresas operadoras das linhas de transmissão de energia elétrica que entraram com pedido de autorização de aumento.

A conta de luz ficará mais cara para cerca de oito milhões de pessoas em três estados no país. O reajuste de 16%, autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), será para os estados de São Paulo, Goiás e Distrito Federal. A autorização foi feita na última quinta-feira (21) e já passa a valer nesta sexta-feira (22) para GO, e no sábado (23) para DF e SP.

Ao todo, são quatro empresas operadoras das linhas de transmissão de energia elétrica que entraram com pedido de autorização de aumento. Em São Paulo, as empresas EDP e CPFL Piratininga conseguiram aumentar a energia residencial para 16%. Para indústrias de alta tensão, o reajuste será de 4%.

Já no estado de Goiás, a autorização foi para a Enel Distribuição, que terá o mesmo reajuste de 16% para residências e 14% para indústrias de alta tensão. Já na capital federal, o Grupo Neoenergia conseguiu autorização para o aumento de 11% nas residências e 9% para indústrias de alta tensão.

A  Aneel explicou que as autorizações são em decorrência dos altos custos tidos pelas empresas, com a produção de energia devido à crise hídrica e pela inflação e variação do dólar. O impacto será sentido pelos consumidores já na próxima conta de energia.

A Revisão Tarifária Periódica da conta de luz desagradou boa parte da população, que já sente os impactos desde os aumentos que ocorreram nas mudanças de bandeiras tarifárias. Com o aumento na conta de luz, muitos serviços e produtos terão os preços reajustados e isso poderá provocar uma queda no número de clientes.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais