Tudo Bahia
Portal de Notícias

Transformação: confira 5 animais que passam por metamorfose

O processo de metamorfose ocorre apenas em animais que apresentam desenvolvimento indireto, ou seja, em que há o desenvolvimento de um estágio larval.

A metamorfose são transformações que alguns animais passam durante seu desenvolvimento. Elas ocorrem na estrutura corporal desses animais, no comportamento, alimentação e também no habitat. Em resumo, a metamorfose seria a transição da fase larval para a adulta durante o desenvolvimento do animal.

Esse processo de metamorfose ocorre apenas em animais que apresentam desenvolvimento indireto, ou seja, em que há o desenvolvimento de um estágio larval. Em animais com desenvolvimento direto, nos quais os jovens nascem como uma miniatura dos adultos, não há metamorfose.
A seguir, confira a lista com 5 animais que passam por metamorfose.

1. Borboleta

A metamorfose na borboleta se inicia de um ovo fértil, que eclode em uma lagarta. Esse animal se alimentará e desenvolverá, até que os seus hormônios comecem a provocar a mudança de fase. A lagarta começará a envolver-se com um fio que ela mesma separa, até formar uma crisálida (estágio de pupa ou casulo) que a cobre completamente.

Durante esse período de aparente inatividade, a lagarta começa a reabsorver seus órgãos juvenis e dá início a transformação do seu corpo, até desenvolver patas e asas. Esse período pode durar dias ou até mesmo semanas. Depois, a pupa se abrirá, dando lugar a uma mariposa adulta.

2. Joaninha

Assim como a metamorfose da borboleta, a da joaninha começa no ovo fértil, que eclode liberando larvas ativos. Depois, elas se tornam pupas imóveis e, por fim, as pupas se transformam em joaninhas adultas com asas.

3. Percevejo de cama

A metamorfose do percevejo de cama se inicia quando o ovo eclode e nascem formas imaturas, as chamadas larvas ou ninfas, que precisam completar seu desenvolvimento até se tornarem adultos, conhecido também como imago.

4. Rã

A metamorfose da rã começa quando os ovos eclodem na água e nascem os girinos, formas larvais aquáticas que possuem cauda e brânquias. À medida que eles se desenvolvendo, as brânquias desaparecem e surgem as pernas.

Primeiro, são formadas as pernas posteriores e, em seguida, as anteriores. Após isso, a cauda encolhe. No sapo a cauda permanece quando o animal está jovem, mas quando adulto, ela some completamente, uma vez que já tem os pulmões completamente formados.

Após a finalização da metamorfose, a rá está apta para viver no ambiente terrestre, retornando ao ambiente aquático para se acasalar.

5. Gafanhoto

O gafanhoto nasce de um ovo fértil e começa a se desenvolver de forma progressiva, sem passar pela fase de crisálida (estágio de pupa ou casulo). Durante os primeiros estágios da metamorfose o animal não tem as asas. Essas somente aparecerão mais tarde à medida que o gafanhoto evolui.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais