Tudo Bahia
Portal de Notícias

WhatsApp: contato bloqueado pode ver minhas mensagens em grupos?

O mensageiro permite o bloqueio de contatos para que o usuário não receba mensagens indesejadas.

Com o objetivo de não receber mensagens indesejadas, usuários do WhatsApp têm a possibilidade de bloquear um ou mais contatos no aplicativo, e o melhor, sem esse contato ser informado do bloqueio.

Ao ser bloqueado, as mensagens, chamadas e as atualizações de status do contato bloqueado deixam de ser exibidas no celular e não entregues ao usuário.

Além disso, quando bloqueado, o contato não consegue mais ver detalhes do perfil do usuário, como as informações “visto por último” e online” e a foto do perfil. Ele também não consegue fazer ligações de voz ou de vídeo.

Mas, vale notar que o contato bloqueado continua aparecendo na lista de contato do usuário do WhatsApp. Para não aparecer mais nessa lista, é preciso apagar o contato da agenda do celular.

Outro detalhe digno de nota é que quando um contato é bloqueado, ele consegue ver as mensagens enviadas pelo usuário que o bloqueou nos grupos dos quais participa.

O usuário que fez o bloqueio, por sua vez, verá as mensagens enviadas pelo contato bloqueado nesses grupos.

Caso o usuário do WhatsApp queira evitar qualquer constrangimento que possa acontecer por conta de um bloqueio, a dica é evitar participar de grupos com pessoas com as quais ele não quer interagir.

Ou, se preferir, e a depender do contato, o usuário pode desbloqueá-lo, já que o bloqueio do WhatsApp é reversível. Confira abaixo como fazer o desbloqueio:

  • Primeiro, abra o WhatsApp e toque em Mais opções, simbolizado pelos três pontinhos. Depois, toque em “Configurações”;
  • Após isso, selecione a opção “Conta”, depois “Privacidade” e “Bloqueados;
  • Agora, toque no contato que deseja desbloquear;
  • Por fim, toque em Desbloquear (nome do contato).

Caso prefira, o usuário do mensageiro pode pesquisar pelo contato bloqueado, tocar e segurar o nome do contato e, por fim, tocar em Desbloquear (nome do contato).

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais