Tudo Bahia
Portal de Notícias

Vale-alimentação estudantil na Bahia: governador anuncia pagamento da quarta parcela

A previsão é de que o vale-alimentação estudantil na Bahia já esteja depositado no dia 26 de outubro de 2020. Saiba os detalhes!

Na última sexta-feira (16/10), o governador Rui Costa informou que a quarta parcela do vale-alimentação estudantil na Bahia será efetuado em outubro de 2020. O benefício foi criado para garantir a segurança alimentar dos alunos e suas respectivas famílias durante o período de suspensão das aulas.

“Já definimos com os secretários da Fazenda e da Educação o pagamento da ajuda aos estudantes, que corresponde a uma cesta básica. Dia 26 foi o prazo que a empresa de cartão de crédito disponibilizou, por questões técnicas para fazer o pagamento. Portanto, dia 26 o dinheiro estará depositado na conta dos cerca de 750 mil alunos da rede estadual de ensino”, informou Rui Costa.

Acompanhe a matéria completa e fique por dentro de mais detalhes sobre o assunto. Não se esqueça de conferir outros conteúdos de nosso site. Veiculamos as principais notícias do Brasil e do mundo!

Quarta parcela do vale-alimentação estudantil na Bahia

Conforme o site oficial do governo da Bahia, serão investidos R$ 44 milhões na quarta parcela do vale-alimentação estudantil. A previsão é de que o recurso já esteja depositado no dia 26 de outubro de 2020.

Vale lembrar que todos os estudantes regularmente matriculados na rede estadual de ensino têm direito ao benefício. A quantia está fixada no valor de R$ 55 por parcela.

As parcelas não equivalem a pagamentos mensais, mas representam uma contribuição alimentar e social importante para os estudantes e suas famílias, além de movimentarem a economia nos 417 municípios baianos.

– Jerônimo Rodrigues, secretário da Educação na Bahia

Como retirar o vale-alimentação estudantil

Para retirar a quarta parcela do vale-alimentação estudantil na Bahia, os alunos devem usar o mesmo cartão disponibilizado anteriormente (bandeira Alelo). O recurso é destinado para a aquisição de gêneros alimentícios, como feijão, arroz, macarrão, carne, frango, frutas, verduras, café e leite.

Caso surja alguma dúvida sobre o procedimento, é possível entrar em contato com a escola onde os estudantes estão devidamente matriculados. A secretaria também fornece canais de ouvidoria:

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais