Tudo Bahia
Portal de Notícias

Auxílio emergencial: prazo para contestação das parcelas negadas termina hoje

Se você teve negado o pagamento de R$ 300,00, saiba que a contestação do auxílio emergencial termina hoje (09/11). A informação foi divulgada pelo governo e é válida para quem não recebeu nenhuma parcela de R$ 300. Por isso, se você ainda não contestou, há tempo.

Por outro lado, para quem recebeu pelo menos um pagamento de R$ 300 tem um prazo um pouco maior. Para estes beneficiários será possível fazer contestação até a próxima quarta-feira (11/11).

Calendário do auxílio emergencial e FGTS: veja os pagamentos desta semana

Medida Provisória modificou regras

Inicialmente, o auxílio emergencial teria apenas três parcelas de R$ 300. Todavia, por causa da necessidade e pressão de parlamentares e beneficiários, o governo decidiu renovar o benefício com mais duas parcelas.

Em seguida, ainda não sendo suficiente, houve uma nova prorrogação do benefício por meio de uma Medida Provisória (MP). Porém, ficou decidido que seriam mais quatro parcelas de R$ 300 e não R$ 600.

No entanto, a MP também definiu nova regras para os beneficiários. Ou seja, se uma pessoa recebeu os R$ 600, não necessariamente irá receber as parcelas de R$ 300. Com isso, vieram muitas reclamações e pedidos de reavaliações.

Este período de reavaliação se encerra nesta semana. Como informado, para quem não ganhou nenhuma das novas parcelas, a data limite é segunda-feira (09/11). Para quem recebeu pelo menos uma, o prazo vai até quarta-feira (11/11).

Como realizar a contestação do auxílio emergencial:

Se você precisa contestar o corte do auxílio emergencial, é preciso seguir os passos baixo:

  • Acesse o site do Dataprev;
  • Realize o login;
  • Em seguida, clique em “Acompanhe sua solicitação”;
  • Verifique os seus dados e confirme que eles estão corretos;
  • Uma página nova será explicando a causa de benefício ter sido cortado;
  • Na mesma página haverá a opção de se contestar a negativa. Clique nela e aguarde a solicitação.

O governo não possui um prazo específico para poder responder o pedido feito pelo beneficiário. Em caso de aprovação, o dinheiro será pago no mês seguinte ao da resposta.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais