Tudo Bahia
Portal de Notícias

TCE aponta irregularidades no Auxílio Emergencial Mineiro; entenda

Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE) investigou dados dos beneficiários do Auxílio Emergencial Mineiro e encontrou divergências.

O Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE) apontou que houve irregularidades nos pagamentos do Auxílio Emergencial Mineiro. Pessoas que estão registradas como mortas e famílias com renda superior, pelo visto, podem ter recebido o dinheiro.

Segundo o TCE, 6.548 pessoas registradas como mortas, 20 mil famílias com renda per capita acima do permitido e cerca de 48 mil indivíduos com emprego formal ganharam o benefício. O prejuízo está na casa dos R$ 18 milhões.

Sobre o Auxílio Emergencial Mineiro

O auxílio Emergencial Mineiro realiza pagamentos únicos de R$ 600 para famílias de baixa renda que moram em Minas Gerais e que possuem registro no Cadastro Único. Os repasses são feitos conforme o mês de aniversário dos beneficiários. O registro no programa é automático, não sendo necessário fazê-lo.

Os beneficiários são divididos em dois grupos. O prioritário, composto por quem não ganha Bolsa Família ou que seja mãe solteira, e grupo não prioritário, composto pelos demais beneficiários do Auxílio Emergencial Mineiro.

Calendário de pagamentos do Auxílio Emergencial Mineiro

Veja o calendário dos repasses do Auxílio Emergencial Mineiro para quem tem prioridade:

  • Janeiro e fevereiro: 14/10;
  • Março e abril: 15/10;
  • Maio e junho: 18/10;
  • Julho e agosto: 19/10;
  • Setembro e outubro: 20/10;
  • Novembro e dezembro: 21/10.

Agora, o cronograma para famílias não prioritárias:

  • Janeiro e fevereiro: 22/10;
  • Março e abril: 25/10;
  • Maio e junho: 26/10;
  • Julho e agosto: 27/10;
  • Setembro e outubro: 28/10;
  • Novembro e dezembro: 29/10.

O dinheiro pode ser movimentado por meio do aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS). Quem não tem smartphone pode sacar o benefício nas agências da Caixa Econômica Federal e nas Lotéricas.

O recurso é depositado em uma conta social digital aberta especialmente para o benefício, não sendo depositado em poupanças comuns.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais