Tudo Bahia
Portal de Notícias

Máscaras: como usar a barreira física contra a COVID-19

As máscaras do tipo cirúrgicas são uma barreira física para o doenças. Entenda as especificações de como confeccionar, usar e lavar a peça.

As máscaras cirúrgicas e de pano são parte do cotidiano da população asiática, principalmente na Coréia, China e Japão. O costume de usar essa peça começou com o surto de Gripe Espanhola (H1N1), quando os doentes passaram a utilizá-las para impedir que infectassem outras pessoas. Posteriormente, com o crescimento industrial na Segunda Guerra Mundial as máscaras se tornaram proteção contra a poluição.

A efetividade do utensílio levou ao seu uso durante o ano todo, principalmente nas épocas de grupo. Atualmente, com a pandemia de coronavírus as máscaras se tornaram artigo essencial para evitar o contágio no mundo todo. Vários brasileiros começaram a confeccionar a peça em tecido pela falta das descartáveis. Mas existe uma série de cuidados que é preciso tomar para fazer o uso correto delas.

Quem deve usar as máscaras?

Máscaras: como usar a barreira física contra a COVID-19
Foto: Pixabay.

A princípio, a Organização Mundial de Saúde (OMS) aconselhou o uso das máscaras apenas por infectados com a COVID-19 e profissionais da saúde que estivessem combatendo a doença. O diretor-executivo da OMS, Michael Ryan, explicou que “devemos priorizar seu uso para proteger nossos trabalhadores na linha de frente. E é nisso que estamos trabalhando”.

Contudo, com o rápido desenvolvimento da pandemia de coronavírus, começou-se a discutir sobre a necessidade de todos usarem a peça. Segundo Ryan, “O debate sobre o uso de máscaras, em geral, é baseado, é construído, não no paradigma de se proteger. A evidência é bastante clara de que o uso de uma máscara em público não o protege necessariamente. Mas se uma pessoa doente usa uma máscara, é menos provável que ela possa infectar outras pessoas”.

Ou seja, a eficácia está na diminuição das chances de contágio, porque a máscara (seja de pano ou descartável) é uma barreira. É importante ressaltar que muitos infectados pela COVID-19 não apresentam sintomas, sendo assim eles podem contaminar outras pessoas com maior facilidade. O vírus é transmitido quando gotículas expelidas na fala, tosse ou espirro encontram as mucosas do corpo (olho, nariz, boca, por exemplo).

Por isso, o uso geral dessa peça pode ajudar a conter a doença. Mas não se engane. Ela deve ser combinada com outros métodos de proteção, como lavar as mãos corretamente. Além disso, é preciso notar algumas coisas na hora de usar as máscaras:

  • A peça deve cobrir o nariz e a boca completamente;
  • Pegue apenas nos elásticos para colocar no rosto e ajustar, bem como na hora de retirar;
  • Não toque na máscara enquanto estiver usando;
  • Troque quando ela estiver ficando úmida, pois a umidade da saliva diminui a eficácia da barreira de proteção.

Especificações da máscara de pano

Máscaras: como usar a barreira física contra a COVID-19
Foto: Pixabay.

Com a falta de máscaras descartáveis para todos, muitas pessoas começaram a produzir as próprias peças em pano e até comercializá-las. Entretanto, o Ministério da Saúde afirma que, para ser eficiente, a máscara caseira deve seguir uma série de critérios. Confira quais são:

  • Precisam ter pelo menos duas camadas de pano;
  • Possuir elásticos ou tiras para amarrar;
  • Uso individual, não use a máscara de outra pessoa;
  • Devem ser feitas em tecidos como algodão, tricoline, TNT.
  • Serem feitas para cobrir totalmente a boca e nariz, sem deixar espaços nas laterais.

De acordo com o ex-Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, “pode lavar com sabão ou água sanitária, deixando de molho por cerca de 20 minutos. E nunca compartilhar, porque o uso é individual. Máscaras de pano para uso comunitário funcionam muito bem e não são caras de fazer”.

Mas se você for usar as descartáveis é preciso se atentar a maneira correta de jogar fora. Há quem pense que as máscaras deveriam ir para o lixo reciclável. No entanto, a peça contaminada pode ser um risco para os trabalhadores da cooperativa que irão lidar com aqueles descartes. Portanto, o ideal é descartá-la no lixo do banheiro que, em teoria, não entrará em contato com ninguém. O ideal é que você coloque o item em dois saquinhos plásticos (um dentro do outro).

Use máscaras ao sair de casa e lembre-se de sempre lavar as mãos quando retirá-la do rosto. Caso não tenha acesso a água e sabão na hora, utilize álcool em gel.

Confira também sobre o uso de ar condicionado em meio à pandemia.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais