Tudo Bahia
Portal de Notícias

Valores pendentes do auxílio emergencial? Saiba como conferir

As últimas parcelas dos ciclos 5 e 6 serão repassadas até o final de janeiro

Os beneficiários do auxílio emergencial agora têm acesso a um passo a passo para tirar dúvidas e consultar informações relacionadas ao pagamento do benefício disponibilizado pelo governo federal em 2020.

O processamento é realizado pelo Dataprev e basta usar os dados pessoais do beneficiário, como o CPF. Além da consulta das parcelas pendentes, a plataforma disponibiliza uma cartilha que ensina como o cidadão pode verificar a sua situação em relação ao auxílio emergencial.

Outra ferramenta acessível para a consulta do saldo disponível para movimentação, pagamentos, saques e transferências é o aplicativo Caixa Tem. Para usar essa ferramenta, basta instalar o aplicativo no celular (Android e iOS).

Calendário do auxílio emergencial 2021

Os últimos repasses do auxílio emergencial foram efetuados em dezembro de 2020, referente ao pagamento dos ciclos 5 e 6. Mas as datas para a liberação de saque do benefício se estenderam até o mês de janeiro.

Estarão disponíveis para retirada de dinheiro em espécies até duas parcelas do auxílio emergencial, nos valores de R$ 600 ou da extensão de R$ 300. Esses valores podem ser dobrados nos casos de beneficiárias (mães) que sejam chefes de família. Confira o calendário:

  • dia 22 de janeiro: liberação para os nascidos em outubro;
  • dia 25 de janeiro: liberação para os nascidos em novembro; e
  • dia 27 de janeiro: liberação para os nascidos em dezembro.

Haverá extensão do benefício em 2021?

Com o fim dos pagamentos do auxílio emergencial em dezembro. Parlamentares tentam articular a extensão do auxílio emergencial em 2021 com prorrogação de três (até março) a seis (até junho) meses.

Mas a decisão final do governo federal tem sido a não retomada dos repasses do benefício e a tentativa de ampliação do programa social do Bolsa Família, uma vez que não houve espaço no orçamento da União para o lançamento do programa Renda Cidadã, que o substituiria.

A ampliação do Bolsa Família em 2021, poderá contar com o repasse de renda de R$200 e a criação de novos benefícios que irão contemplar alunos com bom desempenho escolar e mães que não conseguiram acesso às creches da rede pública.

LEIA TAMBÉM

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais